Arita: O Berço da Cerâmica Japonesa

Das montanhas de Kyushu para o mundo

 Por Ines Matos   22/09/2017

A história da cerâmica de Arita cruza o Oriente com o Ocidente, exemplifica as transformações da estética e da política, e hoje em dia oferece-nos experiências maravilhosas, ligando gastronomia e arte, decoração e utilidade. Quando o clã Nabeshima desenvolveu a produção da cerâmica em Arita, estava longe de imaginar que se tornaria no centro de produção de toda a cerâmica japonesa, e mais tarde, no maior exportador de cerâmica do país do sol nascente. Feitas nas ruas de Arita, primeiro para os samurai e depois para os europeus, estas peças vieram a adornar as casas mais nobres do mundo.

Arita é essencialmente uma cidade tranquila, com pouco movimento nas ruas e muitos alojamentos disponíveis, sem um comércio intrusivo ou eventos ruidosos, exceto na Golden Week (semana dos feriados no início de Maio) e no Festival de Outono (final de Outubro). Para tirar o melhor partido da sua visita, considere que esses períodos oferecem muitas oportunidades de entretenimento mas os preços são mais caros. Arita possui várias associações de guias e um serviço de táxi muito eficiente. As distâncias entre os locais são consideráveis, pelo que deverá optar por carro, táxi ou bicicleta.

Fotografado por Ines Matos
Membro da JapanTravel

Junte-se à discussão