O Grande Santuário Izumo Taisha

A terra dos mitos

O Grande Santuário Izumo Taisha, na Cidade de Izumo, Shimane, é um dos Santuários mais antigos no Japão. Diz-se que originalmente tinha 48 metros de altura de acordo com um registo de 950 D.C.. O Santuário atual tem 24 metros e foi construído no ano 1744. É um santuário de grande importância na Religião Xintoísta Japonesa.

Já deve ter ouvido dizer que o décimo mês do calendário lunar (Novembro) no Japão é conhecido como o 'Mês Sem Deuses' ou 'Kannazuki', o mês em que todas as divindades deixam os seus santuários por todo o Japão. Embora isto seja verdade para a maioria do país, na região de Izumo é conhecido como o 'Mês dos Deuses' ou 'Kamiarizuki'. A razão para a diferença no nome é que todas as divindades vêm para o Grande Santuário Izumo Taisha para realizar uma reunião que dura uma semana, e onde falam sobre o ano seguinte, decidindo as novas relações e laços que serão formados pelas pessoas. Pode mesmo ver os 'alojamentos' para as divindades em qualquer lado do local principal.

Ouvi dizer que um interesse nestes laços viu um ressurgimento no turismo local, especialmente entre os mais jovens. Com o aumentar da idade média de casamento dos japoneses, parece que muitas pessoas vêm agora aqui rezar por uma relação romântica. Talvez se vier aqui possa rezar pelo seu próprio sucesso no romance? Pode até mesmo encontrar alguém enquanto aqui estiver.

É claro que não gira tudo à volta do amor, havendo muita gente a rezar por prósperas relações com os seus familiares, colegas de trabalho, ou colegas de escola.

Além do Santuário em si, nas proximidades ficam também a Sala Kagura, onde pode assistir a kagura tradicional, um tipo de dança que reconta antigos mitos japoneses; a Rua Shinmon-dori, que conduz ao Santuário onde pode comprar lembranças e tomar um lanche tradicional, uma refeição, ou uma sobremesa (recomendo senzai, um tipo de doce); e o Museu de Shimane da Antiga Izumo, onde pode visitar e aprender sobre a história do Santuário e da Região de Izumo. O museu dispõe de um completo guia áudio em inglês para o ajudar a perceber o museu.

Mesmo que não tenha interesse nos aspectos culturais do local, o cenário em si torna Izumo Taisha um local a não perder. É simplesmente belíssimo.

Esta parte do Japão não é muito visitada por turistas estrangeiros, mas se tiver uns dias a mais na sua agenda e quiser conhecer uma parte importante da cultura e história japonesas, não se vai arrepender se visitar Izumo Taisha.

Este artigo foi útil?

Sugerir uma alteração

0
1
JapanTravel Featured

Featured on Japan Travel

Advertising feature

Junte-se à discussão

Andre Moreira Tradutor 4 anos atrás
Ando com ideias de visitar este santuário há muito tempo! Tenho mesmo de ir brevemente!