Castelo de Osaka

Toyotomi Hideyoshi e a Unificação do Japão

 Por Stefanus Husin   15/03/2017

O Castelo de Osaka é um dos símbolos da cidade de Osaka. Toda a área cobre cerca de dois quilómetros quadrados com muitas árvores e espaços verdes. A estação de comboio da JR mais próxima é a de Osakajokoen, que significa "Parque do Castelo de Osaka". Também pode chegar até aqui de metro através da estação de Osaka Business Park.

O castelo em si está localizado no centro do parque, numa colina e terá de caminhar entre 10 a 15 minutos a partir da estação de comboio para lá chegar. À medida que caminha em direcção ao castelo, poderá ver o fosso e parque que rodeiam o castelo e irá vê-lo majestosamente ficando cada vez maior à medida que se aproxima. Por vezes poderá avistar habitantes locais a pescar na área do fosso.

Existe uma taxa de admissão de 600 ienes para entrar no castelo. Dentro do castelo há 8 andares e em cada andar há diferentes coisas para desfrutar. O castelo foi transformado num museu que mostra a sua história e o que aconteceu com ele. Há um elevador que o leva até ao 5º andar, no entanto, para chegar ao 8º andar, terá de subir as escadas. A rota recomendada é levar o seu tempo até ao 8 º andar e descer lentamente desfrutando de cada andar.

O piso mais alto é o observatório onde terá uma vista panorâmica da cidade de Osaka. O 7 º andar é onde fica a apresentação da vida de Hideyoshi Toyotomi e de como ele unificou toda a nação. No 5 º andar poderá ver um biombo retratando a guerra de verão de Osaka. Há um enorme ecrã que amplia e explica os diferentes desenhos do biombo. O 4º andar mostra a história sobre Hideyoshi Toyotomi e a sua era, e continua até ao 3 º andar, onde poderá ver artefactos, como armaduras e capacete. No 2º andar poderá obter lembranças para trazer de volta e o 1º andar é a entrada principal.

Escrito por Stefanus Husin
Membro da JapanTravel
Traduzido por Andre Moreira

Junte-se à discussão