Hachiko na Universidade de Tóquio

O amado Akita japonês reencontra o seu dono

Por Jessica A Paje   

Após 80 anos, o amado Hachiko reencontrou-se com o seu dono na Universidade de Tóquio em Bunkyo. Um símbolo nacional da lealdade familiar, esta é a segunda estátua de bronze erguida em Tóquio para comemorar o laço entre Akita e o Professor.

Em 1924, Hidesaburo Ueno, um professor no departamento de Agricultura da Universidade de Tóquio, acolheu Hachiko como companheiro. A sua rotina diária incluía o passeio até estação de Shibuya durante a semana. Ao fim do dia, Hachiko voltava para a estação para esperar pelo dono.

Em 1925, esta rotina teve um final abrupto. O professor Ueno sofreu uma hemorragia cerebral. Acabou por falecer e nunca voltou à estação de Shibuya. Apesar de ter encontrado novos donos, nos nove anos seguintes Hachiko escapava de casa todos os dias precisamente na altura em que o comboio estaria para chegar para esperar pelo seu dono. A 8 de Março de 1935, Hachiko morreu sem nunca conseguir ver o dono novamente,

Um ano antes de Hachiko ter falecido, foi erguida a primeira estátua de bronze na estação de Shibuya em Abril de 1934. Depois da II Grande Guerra, esta foi substituída em Agosto de 1948. Até ao presente, o Hachiko de bronze guarda uma das saídas da estação de Shibuya, que hoje em dia é um popular locar para encontros e turistas.

A 9 de Março, 2015, no 80º aniversário da morte de Hachiko, uma segunda estátua de bronze foi erguida. O querido Akita Inu está radiante com o reencontro com o seu dono, o Professor Ueno. A nova estátua foi possível através da assistência de uma petição online e da Faculdade de Agricultura. Foi esculpida por Tsutomo Ueda de Nagoya e mostra um feliz Hachiko a saltar para cumprimentar o seu dono no fim de um dia de trabalho. Ueno tem o chapéu, fato e casaco vestidos e a sua pasta de trabalho está no chão. O Hachiko tem a coleira com que foi visto nas ultimas fotografias. Nada mais que amor, lealdade e felicidade irradia deste memorial. É o verdadeiro testemunho para a profundidade do coração canino; amar um humano mais do que a ele próprio.

Vários livros e filmes foram feitos acerca deste cão lendário. Hachiko é conhecido como herói em livros infantis japoneses e em 2009, foi lançado o filme de Hollywood "Hachiko: Amigo para Sempre" com Richard Gere (um remake do filme japonês de 1987 "Hachiko Monogatari").

Para ver a nova estátua de Hachiko no Campus do Departamento de Agricultura da Universidade de Tóquio, vá pela Linha Nanboku e saia na estação Todaimae. Entre no portão Nou-Seimon (secção Yayoi do Campus Hongo) e verá Hachiko à sua esquerda. Se passar pelo Campus Principal, vai querer ir pela passagem pedonal. Está referido com #23 em qualquer mapa do Campus.

Este artigo foi útil?

Sugerir uma alteração

0
0
Ana Marques

Ana Marques @ana.marques

I have a degree in Social Communication. I have a passion for writing and traveling, and after this year as volunteer in Romania I learned that I love to work with the youths and children. Since an early age that I have a passion for Japan and the culture of this country. It started with anime and manga, but shortly after I was watching movie, listening to the music and learning as much as can from the culture and landscapes. I'm a easy going and honest person, that loves the family and friends. Trying to break through in the writing scene.

Original por Jessica A Paje

Deixar um comentário