Chinatown de Yokohama

Desfrute de uma variedade de cozinha chinesa

Por Tomoko Kamishima   20/01/2015

A Chinatown de Yokohama tem mais de 600 estabelecimentos numa área de apenas 2500 metros quadrados. Ao passar pelo portão de entrada de qualquer direção, fica no meio de uma apaixonante cidade! Empregados de muitíssimos restaurantes, bancas de comida, coloridas lojas de artigos diversos, bancas de adivinhos, e por aí fora, chamam em voz alta por novos clientes. Os edifícios e os painéis brilham e ofuscam em cores cintilantes. A Chinatown é um mundo completamente diferente da cidade lá fora!

A Chinatown de Yokohama é conhecida por ser o melhor local para apreciar cozinha chinesa. Como sabe, a China é um país enorme, e a cozinha de cada região tem as suas próprias características. Deste modo, a sua cultura de culinária tem crescido de várias formas. Existe um número gigantesco de pratos únicos...mas eles estão espalhados por toda a China. Por isso mesmo que visite algumas cidades na China, seria difícil de experimentá-los todos numa única viagem. Mas na Chinatown de Yokohama, não só é possível como também é fácil de conquistar o profundo mundo da cozinha chinesa num único dia...SE tiver um estômago GRANDE!

Deixe-me apresentar-lhe um pouco da cultura da culinária chinesa. Primeiro, quero categorizar os tipos para si: Os 4 tipos mais comuns e populares são: Pequim (北京料理), Xangai (上海料理), Guangdong (広東料理), e Sichuan (四川料理). Taiwan (台湾料理) e Dim Sum (飲茶) seguem-se.

Cozinha de Pequim

Esta cozinha é baseada na antiga cozinha de corte. Os Imperadores pediam aos seus cozinheiros para preparar pratos com a comida que tivesse sido colhida ou obtida das suas enormes extensões de terras. O sabor é bastante rico e são principalmente utilizadas farinha de trigo e carne. O pato assado de Pequim é muito usual. Um pato inteiro é assado no forno e a pele crocante é cortada e servida como entrada, sendo a carne e os ossos do pato cozinhados para os pratos seguintes. Normalmente, a pele, a carne e os ossos são todos servidos como parte de uma refeição. Um pãozinho cozido a vapor e um bolinho ao estilo chinês são outros exemplos. Poderá apreciar o odor dos pãezinhos cozidos a vapor em qualquer rua da Chinatown, especialmente no Outono e no Inverno.

Restaurante recomendado: Kaseiro Honten (華正樓本店)

Este é um restaurante de luxo. O interior e a decoração são extremamente chineses! Servem à la carte, assim como vários menus (5250 ienes a 21 000 ienes, mais 10% de custo de serviço). Acho que mesmo o menu mais barato é muito bom. No entanto será melhor fazer uma reserva. (Mapa de Acesso)

Cozinha de Xangai

A área de Xangai está abençoada com peixe e marisco do mar e do Rio Yangtze. Tem um sabor espesso e também um pouco doce, graças a temperos fermentados como vinagre, molho de soja e vinho chinês. O caranguejo peludo de Xangai (apenas em Outubro e Novembro) e os pãezinhos com recheio de carne de porco cozidos a vapor são pratos famosos. Quando mandar vir um, nunca coma em duas dentadas. Está bastante quente mas por favor coma de uma só vez. Caso contrário perderá o suculento sabor condensado!

Restaurante recomendado: Shigoroku-saikan (四五六菜館)

Este é um restaurante casual com um ambiente descontraído. Se não tiver reserva, é possível que tenha que esperar um bom bocado. O meu prato preferido é camarão e lula grelhados. (Mapa de Acesso)

Cozinha de Guangdong

A principal característica desta cozinha é a sua variedade. Consiste em pratos levemente temperados e que fazem bom uso de sabores naturais. Os pratos mais populares são sopa de barbatana de tubarão e chop suey.

Restaurante recomendado: Restaurante principal Manchinro (萬珍樓)

Este é o restaurante chinês mais bem classificado (por muitos blogs gourmet) na Chinatown de Yokohama. O sabor, o serviço, e o preço estão todos ao mais alto nível! O menu de almoço fica entre 2500 ienes e 5000 ienes, com adição de custo de serviço (10%). Só durante os dias de semana são servidos ao almoço noodles e outros pratos a preços bastante razoáveis (a partir de 1200 ienes). O menu de jantar fica entre 5000 ienes e 20 000 ienes. Mas aposto que vai definitivamente ficar satisfeito com a comida e o serviço. (Mapa de Acesso)

Cozinha de Sichuan

Sichuan está rodeada de montanhas altas. É bastante fria no Inverno e deveras quente e húmida no Verão. Devido a estas condições, a cozinha é quente e picante. Os pratos de Sichuan mais bem classificados são coalhada de feijão picante e camarão com molho de pimenta.

Restaurante recomendado: Keitokuchin (景徳鎮)

Este é um restaurante casual e acolhedor. Se gosta de comida picante, experimente o seu prato mais escaldante. Mas já que eu não sou grande apreciadora deste tipo de pratos, recomendo a sua carne de vaca e pimenta fritas. Este é um prato salteado à base de molho de ostras mas irá notar um leve sabor a gengibre e pimenta japonesa. (Mapa de Acesso)

O mundo da culinária chinesa é tão profundo e vasto que me é impossível cobrir tudo num só artigo. Por isso não deixe de conferir os próximos artigos sobre a culinária de Taiwan e Dim Sum!

Was this article helpful?

Reportar erros

0
0
Andre Moreira

Andre Moreira @andre.moreira

Born in the Portuguese countryside in 1990, I've been living in Japan since 2012. After finishing my Computer Engineering University Course in Lisbon, Portugal, I decided to study Japanese in Tokyo, with the purpose of continuing my studies there. After one year of studying of the language, I entered a Japanese Professional College where I finished my study in 2015. I am now working in a videogame Japanese company as Motion Designer. I also write in my blog about Japan. My goal is to introduce Japan to anyone who is interested in the culture, the language, the music, the anime, the food, and so on. And that's what you can find there: everything! Plus, my experience here as a Portuguese expat. You can access through this link: The Rising Sky Blog Should you have some questions on how to come to Japan, what to do, where to study, etc., feel free to contact me!

Original by Tomoko Kamishima

Deixar um comentário