Kodomo no Kuni: o País das Crianças

Um oásis para as crianças na cidade de Tottori

Por Kenji Chida   20/09/2018

Se está a viajar com crianças na prefeitura de Tottori vale bem a pena parar no "kodomo no kuni", isto é, "o país das crianças", na cidade de Tottori. A brochura deste espaço também lhe dá o nome de "reino das crianças", e suponho que isso seja adequado porque quem reina ali são mesmo os mais novos. O estatuto de realeza também se nota no facto de as crianças não terem de pagar para entrar. Para os petizes a entrada é totalmente gratuita, são os adultos que os acompanham que pagam, mas apenas uns modestos 500 ienes. É um preço pequeno a pagar por um ambiente seguro e no qual as crianças podem correr, trepar, saltar e chapinhar. Os adolescentes dos 12 aos 15 pagam 200 ienes e os jovens dos 16 aos 18 pagam o mesmo que os adultos. Mas há descontos, dependendo do tamanho do grupo.

As atracções pagas incluem o monocarril a pedais, o carro de corridas (accionado com bateria). bicicletas, triciclos e o comboio-miniatura. Também existe um zoológico onde pode dar comida aos animais e pôr o seu infante a andar de pónei ou de burro. Os preços variam entre os 100 e os 200 ienes para as atracções mecânicas, e entre os 400 e os 500 ienes para a experiência do dorso dos animais.

Dentro do recinto há espaços com ar condicionado, para aqueles dias mais difíceis de suportar, e neles realizam-se workshops de construção em madeira para as crianças, embora também existam espaços sossegados para simplesmente ler, desenhar ou o que quer que queiram fazer.

Entre a terceira semana de maio e o fim de outubro existe ainda uma área de campismo disponível no local. Os adultos pagam 240 ienes por noite e os adolescentes até aos 15 anos pagam 120 ienes. Contudo, o preço é ainda mais baixo (metade!) se usar o espaço para "acampar" sem passar lá a noite.

A atracção mais popular durante o Verão é naturalmente o parque aquático. Existe um declive suave para as crianças pequenas escorregarem mas também há um escorrega mais excitante para as crianças mais velhas. Todo o parque é acessível para cadeiras de rodas e carrinhos de bebé, mas existem ainda alguns desafios, como por exemplo a entrada na zona do castelo de contos de fadas e a zona do zoológico. Por isso faça questão de pedir ajuda aos funcionários ou solicite que abram os acessos em rampa se estes estiverem temporariamente fechados. De um modo geral o "país das crianças" é uma mais-valia para um itinerário na cidade de Tottori, pelo menos para quem viaja com crianças.

Escrito por Kenji Chida
Membro da JapanTravel
Traduzido por Ines Matos

Deixar um comentário